Frase do dia

“Não sou contra o governo com o intuito de me tornar governo. Sou contra o governo porque ele é contra o povo”

Reginaldo Marques

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

2010 ainda não acabou.

2010 esta chegando ao fim da mesma forma que se iniciou... Conturbado e com um gosto amargo para uma grande parcela da população.
Após as festas Natalinas onde o espírito de humildade e solidariedade aflora em todas as pessoas um grupo de moradores de Campos do Jordão estão tendo um presente de grego nesta manhã do dia 27 de dezembro.
Conforme movimentação vista nas proximidades da Vila Cachoeirinha com varias viaturas do Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, DSV, Defesa Civíl e Policia Militar tudo indica que a determinação judicial será executada hoje com a retirada de todas as famílias restantes naquela área.
Cabe salientar que nenhum destes órgãos acima citados tem algum tipo de culpa ao executar a decisão judicial na manha de hoje tendo em vista que simplesmente estão cumprindo despacho do dia 10/11/2010 e que a Prefeitura esta ciente dos prazos há muito tempo.


Ciência ao MP relativamente aos documentos trazidos pelo Município de Campos do Jordão (fls. 1138/1152). Cobre-se o cumprimento da intimação determinada a fls. 1127 (remoção de alicerces e entulho decorrente das demolições efetivadas). Aguarde-se, no mais, a demolição de 25 (vinte e cinco) casas (e retirada de entulho), que deverá dar-se até o dia 31 de dezembro de 2010, consoante determinado no cronograma de fls. 999/1004 (DOE 17/10/2009). Na ocasião, com acompanhamento da Polícia Militar (já requisitado pelo Juízo), far-se-á o corte de fornecimento de água e energia elétrica, a cargo das empresas SABESP e ELEKTRO. Indefiro o pedido de vista dos autos fora de Cartório formulado pela Defensoria Pública (fls. 1154), já que fluem prazos comuns para os executados cumprirem obrigações cominadas em sentença transitado em julgado. O processo, desde o seu nascedouro, em 1998, pode ser consultado, por qualquer pessoa, em Cartório (inclusive – anoto – há advogado que fez intervenção nos autos representando moradores da área invadida). Int.

Nota do Blog: Nada mais triste do que se ver famílias inteiras sendo retidas de suas casas na semana de Natal, porem o juízo neste caso já teve muita paciência e dilatou todos os prazos possíveis para não prejudicar as famílias ainda residentes naquele local.
Mesmo sabendo que a decisão judicial já transitada em julgado a mais de anos seria executada a administração publica não fez absolutamente nada para realocar os ali residentes a tempo desta lamentável reintegração de posse fosse colocada em pratica a força.
Fica o lamento pela burocracia que emperra as decisões políticas administrativas e pelas famílias que mesmo sabendo que um dia suas casas seriam destruídas assim mesmo por la permaneceram.

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Feliz Natal!

O Blog deseja a todos que por aqui passaram neste ano de 2010 um Feliz Natal.

Presente de Grego.

Os Conselheiros do TC de São Paulo pelo visto ainda não entraram no espírito de natal, conforme acórdão do TC datado do dia 14 de dezembro de 2010 as contas da Câmara Municipal referentes ao exercício de 2008 mesmo com os diversos recursos impetrados pelo exercito de advogados do então presidente foram declaradas irregulares.

Determinando o TC que o presidente a época no prazo de 30 dias restitua aos cofres públicos a singela quantia de R$ 127.314,25.



quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Hexa! Eu vi, e você viu o Octa?

Torcer por um time de futebol mais do que um passatempo é uma religião. Durante o amadurecimento de nossas vidas nos transformamos diariamente evoluindo ou retrocedendo mais sempre mudando.
A única coisa que realmente levamos para o tumulo desde a infância é o time de coração.
A unificação dos títulos pode fazer justiça para alguns, mas para quem alem da paixão acompanha os fatos do esporte nacional diariamente sabem que a unificação passa longe de um reconhecimento por feitos passados.
A CBF jamais se interessou ou se preocupou com os títulos passados, apenas foi a forma encontrada por seu presidente para prejudicar, minimizar e tentar ofuscar o Hexacampeonato do São Paulo e dar o troco na presidente do Flamengo pela eleição de Fabio Kof no clube dos treze.
“Ganhar” um pacotão de títulos não por reconhecimento ou merecimento e sim por uma clara retaliação a um clube campeão dentro de campo e não por dossiê demonstra o quanto estes dois ex gigantes do futebol se apequenaram.

Que bom que sou sãopaulino!

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Sobre blogs e blogueiros.

A internet nos oferece um leque enorme de ferramentas de interação e uma das mais usadas pelos internautas é o blog.
O blog é uma ferramenta de disseminação de idéias. Serve de meio de comunicação rápida entre um incalculável numero de pessoas e pela facilidade de acesso e privacidade dos comentários tornou-se o instrumento mais eficiente da democracia mundial.
Um blog pode ser utilizado pelo seu criador como um diário, um informativo, um centro de informações ou troca de informações entre componentes de uma comunidade, como um espaço para denuncias ou simplesmente um espaço para divulgar suas idéias e trabalhos.
Da mesma forma que os provedores destes blogs oferecem N ferramentas para administrar o conteúdo do blog eles também oferecem uma em especial para quem quer que seu blog seja um diário intimo restringindo o acesso do blog a um determinado numero de pessoas ou simplesmente a si próprio.
Qualquer blog é publico por padrão assim cabe a seu criador restringi-lo se assim o quiser.
Desta maneira na humilde opinião deste blogueiro algumas etiquetas devem ser levadas em consideração antes de divulgar idéias, gostos, princípios, intimidade, ou seja, lá o que se deseje postar em um blog:

1 – Se alguém fizer um comentário em seu blog de maneira polida mesmo que não concorde com o que você postou a educação manda responder também de maneira polida um a um de seus comments. Caso seu blog seja um campeão de acessos claramente será impossível responder cada um deles, mas responda o máximo que puder, é muito desagradável ser ignorado.

2 – Não se melindre quando alguém reproduzir um post seu em outro blog, somente cobre de maneira absolutamente cortes que seja informado a fonte.

3 – Nunca trate seus comments com desprezo ou tire seu valor, caso o texto do comentário não o agrade ou tiver conteúdo ofensivo simplesmente não o publique.

4 - Não misture o seu direito de escrever quando e o que quiser com censura não permitindo que pessoas divulguem ou comentem seu trabalho em outros espaços. Se você construiu um blog e deixou seu acesso livre é porque você deseja que pessoas se interessem por ele, e este interesse pode ser expresso de diversas formas e uma delas pode ser através da critica ou do interesse em ter sua idéia divulgada em outros espaços.

Dito isso (deixo claro que não é uma regra e sim a minha opinião a respeito da conduta de um blogueiro) creio que um blog deve surgir para que seja um instrumento de troca de informações, idéias e opiniões. Sendo este um veiculo de troca de idéias não vejo sentido em blogs onde os comentários não são respondidos, restringem a divulgação de seu conteúdo ou que não aceitem críticas.
Nos últimos dias venho me decepcionando com a conduta de diversos blogueiros que se acham a ultima coca-cola do deserto, e a partir de hoje irei me policiar para não dar atenção a pessoas que simplesmente querem filtrar os acessos a seus blogs com a ferramenta da indiferença e do preconceito.

Câmara sob nova direção!

O vereador Ivo Strass (Eventos) foi eleito na noite de ontem nas dependências da Câmara o novo Presidente para o Biênio 2011-2012.
A votação foi bastante disputada e a margem de votos foi apertada tendo como adversário o vereador Sebastião Antonio Bonifacio, Ivo Strass sagrou-se vencedor com a seguinte votação:

Ivo Strass 5 votos.
Bonifácio 4 votos.
Alia jacta est.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Ultima Sessão.

PAUTA DA 23ª SESSÃO ORDINÁRIA
20 DE DEZEMBRO DE 2.010.

ELEIÇÃO DA MESA DA CÂMARA MUNICIPAL PARA O BIÊNIO 2011/2012

a) em única discussão e votação:

1) PROJETO DE LEI Nº 77/2010, de autoria do Executivo Municipal, que dispõe sobre a criação de cargos públicos na Estrutura Administrativa da Secretaria Municipal de Educação, e dá outras providências.

2) PROJETO DE LEI COMPLEMENTAR Nº 119/10, de autoria do Executivo Municipal, que dispõe sobre modificação de artigos do Código Tributário Municipal de Campos do Jordão – Lei nº 1.400/83, com alterações, obedecidas as regras gerais da Lei Complementar Federal nº 116/2003, instituindo, dispondo e alterando as regras sobre Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza – ISSQN, sobre a prestação de serviços públicos cartorários e notariais e estabelecendo outras providências. (EMENDA nº 2.798/10 – Executivo Municipal)

3) PROJETO DE LEI Nº 125/10, de autoria do Executivo Municipal, que dispõe sobre a construção, reconstrução e conservação de calçadas, tapumes, readequação das calçadas, suas penas, e dá outras providências.

4) PROJETO DE LEI Nº 134/10, de autoria do Executivo Municipal, que dispõe sobre modificação na estrutura da Secretaria de Administração e adota outras providências.

5) PROJETO DE LEI Nº 138/2010, de autoria do Executivo Municipal, que dispõe sobre alteração dos Artigos 2º e 3º da Lei Municipal nº 3.383/10, de 26 de novembro de 2.010.

6) PROJETO DE LEI Nº 139/2010, de autoria da Câmara Municipal, que dispõe sobre alteração da Lei 3.199 de 20 de março de 2.009.
 
7) PROJETO DE LEI Nº 144/2010, de autoria do Executivo Municipal, que dispõe sobre prorrogação da Lei 3.184/08 de 29/12/08.

b) em segunda discussão e votação:

1) PROJETO DE LEI nº 117/10, de autoria do Vereador Paulo Carlos da Costa, que dispõe sobre a proibição do uso de capacete nos estabelecimentos comerciais, públicos e bancários no Município de Campos do Jordão e dá outras providências.
 
2) PROJETO DE LEI Nº 122/10, de autoria da Vereadora Maria Joaquina dos Santos, que institui o “Dia do Conselheiro Tutelar” e dá outras providências.

b) em primeira discussão e votação:

1) PROJETO DE LEI Nº 111/10, de autoria do Vereador Sebastião Aparecido César Filho, que insere o evento Evangélico ABALA CAMPOS DO JORDÃO, no Calendário Oficial de Eventos do Município de Campos do Jordão. (EMENDA nº 2675/10 – Vereador Sebastião Aparecido César Filho)

2) PROJETO DE LEI Nº 120/10, de autoria do Vereador Paulo Francisco dos Santos, que dispõe sobre proibição da comercialização e do consumo de bebidas alcoólicas em logradouros públicos e dá outras providências.

3) PROJETO DE LEI Nº 126/2010, de autoria do Vereador Paulo Carlos da Costa, que dispõe sobre restrição do uso de telefone móvel no interior das agências bancárias e instituições similares no Município de Campos do Jordão e dá outras providências.

4) PROJETO DE LEI Nº 128/2010, de autoria do Vereador Sebastião Antonio Bonifácio, que dispõe sobre a revogação da Lei Municipal nº 3.251/2009, de 14 de setembro de 2.009, e dá outras providências.

5) PROJETO DE LEI Nº 129/2010, de autoria do Vereador Sebastião Antonio Bonifácio, que dispõe sobre a proibição de emissão de sons e ruídos no Município de Campos do Jordão, e dá outras providências.

6) PROJETO DE LEI Nº 130/2010, de autoria do Vereador Sebastião Antonio Bonifácio, que altera os dispositivos legais da Lei Municipal nº 2.324/97, de 19 de março de 1.997, que trata das normas para Declaração de Utilidade Pública.

7) PROJETO DE LEI N 132/2010, de autoria do Vereador Paulo Carlos da Costa, que dispõe sobre autorização para o Poder Executivo implantar creches noturnas e dá providências.

8) PROJETO DE LEI Nº 136/10, de autoria do Vereador Sebastião Antonio Bonifácio, que dispõe sobre a proibição da industrialização, distribuição, comercialização e do uso de sacolas plásticas descartáveis para acondicionamento de produtos e mercadorias no comércio varejista e atacadista no Município de Campos do Jordão e dá outras providências.

c) em única discussão e votação secreta:

1) PROJETO DE LEI Nº 133/10, de autoria da Vereadora Maria Joaquina dos Santos, que dispõe sobre denominação de via pública.

2) PROJETO DE LEI Nº 135/10, de autoria do Vereador Sebastião Antonio Bonifácio, que dispõe sobre denominação de logradouro público.

3) PROJETO DE LEI Nº 140/10, de autoria do Vereador Sebastião Antonio Bonifácio, que dispõe sobre denominação de logradouro público.

4) PROJETO DE LEI Nº 143/10, de autoria da Vereadora Maria Joaquina dos Santos, que dispõe sobre denominação de via pública.

Câmara Municipal de Campos do Jordão, 17 de dezembro de 2.010.

HAMILTON VICENTE FERREIRA

Chefe de Gabinete da Presidência

Nota do Blog: Alem dos polêmicos Projetos e desnecessários Projetos de Lei que recheiam as pautas das Sessões da Câmara o ano topo nesta ultima Sessão Ordinária teremos a eleição do novo ou nova Presidente da Câmara.

Apesar de as mudanças não serem significativas para o povo vale apena acompanhar para saber quem realmente da as cartas por lá.

Amanhã já postaremos o nome do novo ou nova Cherife do Legislativo Jordanense.

JR Jornal Regional On-line.

Desde o começo deste mês o JR Jornal Regional de Campos do Jordão conta com sua versão on-line.

Fica o convite a todos para acessarem e participarem do JR.

Valeu!!!!!

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

São Paulo 75 anos...


16 de Dezembro de 1935

16/12/2010 por Geraldo "JASON" Lina

Há 75 anos era refundado o São Paulo Futebol Clube. Entenda a data e comemore!

Michael Serra – Arquivo Histórico – 16/12/2010

O São Paulo Futebol Clube nasceu do anseio de manter vivas as glórias e tradições de dois dos maiores clubes do período amador do futebol no Brasil.
Integrantes da AA das Palmeiras e dissidentes do CA Paulistano uniram suas forças e, assim, na Praça da República, nº 28, em 26 de janeiro de 1930 (sábado), foi assinada a ata de fundação do Tricolor Paulista, cujas cores de seu emblema e camisas vieram justamente de seus fundadores. O vermelho do Paulistano, o Preto da Palmeiras, e o Branco, comum a ambos.
O pensamento original era fazer coincidir o nascimento da nova agremiação com o aniversário da cidade – como um presente aos paulistanos –, todavia, os estatutos não ficaram prontos a tempo. Ainda assim, o clube sempre considerou que a 1ª fase de sua vida fora iniciada em 25 de janeiro. Como visto em seu atual estatuto:
O São Paulo Futebol Clube, fundado na cidade de São Paulo, onde tem foro e sede, em 16 de dezembro de 1935, preservador das glórias e tradições do São Paulo Futebol Clube, da Floresta, o qual foi fundado em 25 de janeiro de 1930 e extinto em 14 de maio de 1935, é uma Entidade de Prática Desportiva…
Rua Onze de Agosto, 9-A.
A infância do Tricolor foi encerrada no dia 14 de maio de 1935 por desentendimentos políticos e federativos, sua trajetória, contudo, prosseguiu. Houve aqueles que não deixaram o sonho se esvair, seja com o nascimento do CA São Paulo, em 4 de junho de 1935, ou com a criação do Grêmio Tricolor, que mobilizou todos os são-paulinos para perpetuar o renascimento daquele que viria a ser conhecido o Clube da Fé.
Pois somente com Fé um Gigante seria capaz de se erguer mais uma vez, e, desta vez, do nada. Dos fundos de um pequeno porão alugado na Praça Carlos Gomes, nº 38 (chamado de sede em 1936) ao topo do futebol internacional, em suas três conquistas mundiais.
Então, em 16 de dezembro de 1935, às 20h00, no escritório do Dr. Silva Freire, situado na Rua Onze de Agosto, 9-A, tricolores de todas as estirpes compareceram à Assembléia de fundação do novo São Paulo Futebol Clube. Presidida por Porphyrio da Paz, a sessão de duas horas aprovou os estatutos e sua ata consagrou o renascimento do SPFC.
Foram seus assinantes: Manoel do Carmo Meca, Cid Mattos Viana, Francisco Pereira Carneiro, Éolo Campos, Manoel Arruda Nascimento, Izidoro Narvaes, Francisco Ribeiro Carril, José Porphyrio da Paz, Eduardo Oliveira Pirajá, Frederico Antônio Germano Menzen, Francisco Bastos, Sebastião Portugal Gouvêa (tio de Marcelo Portugal Gouvêa), Dorival Gomes dos Santos, Deocleciano Dantas de Freitas e Carlos A. Azevedo Salles Júnior. Posteriormente, outros 73 senhores também rubricaram seus nomes na certidão de batismo tricolor.

Em seguida, definiu-se em eleição, a primeira diretoria: Presidente: Manoel do Carmo Meca; Vice-Presidentes: Alcides Borges, Francisco Pereira Carneiro; Secretário: Luiz Felipe Paula Lima; 1º Tesoureiro: Manoel Arruda Nascimento; 2º Tesoureiro: Izidoro Narvaes; Diretor Geral de Esportes: José Porphyrio da Paz; Representante junto a Liga Paulista: Frederico Antônio Germano Menzen.
Manoel do Carmo Meca, o primeiro signatário e primeiro presidente, um dia antes (15/12) havia lamentavelmente perdido seu filho, falecido. Sob luto, não esteve presente nos momentos iniciais da concepção de seu novo caçula. Mas seu instinto paterno à fundação o levou. Foi um verdadeiro pai para o São Paulo Futebol Clube em seus primeiros passos.
Por volta da meia-noite, a sessão foi encerrada sob vivas e aplausos. Imediatamente mensageiros são-paulinos partiram às rádios e jornais anunciar-lhes a boa nova, em festejos quase natalinos. Francisco Pereira Carneio, no dia seguinte, registrava o nome e estatutos do novo Tricolor em cartório e diário oficial.
Estava decretado o renascimento do São Paulo Futebol Clube, que – quase 71 anos depois – foi consagrado em resolução municipal (Lei 14.229 de 11 de outubro de 2006) sob alcunha de “Dia Tricolor”.
Art. 1º Fica instituído o Dia do São Paulo Futebol Clube no Município de São Paulo, ou seja, o Dia Tricolor, a ser comemorado no dia 16 de dezembro de cada ano, em função dessa data ser a da fundação da agremiação.
As tuas glórias vêm do passado
Ainda que esta seja a data oficial de sua fundação, não se pode esquecer que a história são-paulina vem de muito antes. A letra de seu hino é em justa causa.
Em verdade, a data de fundação ‘16/12/1935’ somente foi instituída no estatuto do clube em 1940 (lá permanecendo até 1949 e sendo re-estabelecida somente em 1973). De 1956 a 1973, a norma maior do SPFC pregava que o clube fora fundado em 25 de janeiro de 1930 e somente reorganizado em 1935, como se vê:
“O “São Paulo Futebol Clube”, fundado na Cidade de São Paulo, onde tem foro e sede, em 25 de janeiro de 1930, extinto em 14 de maior de 1935 e reorganizado em 16 de dezembro de 1935, é uma sociedade civil”.
Além disto, tradicionalmente o São Paulo comemora seu aniversário ao dia 25 de janeiro (os amistosos festivos sempre ocorrem nesta data – junto ao aniversário da cidade), na Data Magna do clube, definida também por seu estatuto:
O dia 25 de janeiro é considerado data magna do São Paulo Futebol Clube, em homenagem à primeira partida oficial de futebol do Clube.
A partida em questão ocorreu em 25 de janeiro de 1936, contra a Portuguesa Santista (3×2).
Ainda assim, o dia 16 de dezembro é por demais significativo para toda a história são-paulina, pois é o marco de bravura e devoção, que levou o clube à reconquista de seu lugar ao sol. De superação e perseverança, que tanto caracterizou sua jornada, como bem realça a construção do Morumbi. E principalmente de fé, que o guiou com mãos fortes ao trono de Soberano do Brasil.





sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Ouro de tolo.

Dia destes em conversa com amigos fui rotulado de polemico.
Admito que não fiquei chateado com o adjetivo em si,mas com a forma como ele foi colocado pejorativamente.
Uma das grandes verdades da democracia é que ela nao pode existir sem a polemica, sem a disputa de ideias e sem a busca da melhoria das relações através da contestação.
Porem a maioria confunde polemica com briga, polemica nada mais é do que provocar a discusão sobre determinado assunto mostrando que para cada cituação existem varias vertentes de entendimento.
Simplesmente concordar com alguma coisa somente pelo fato que todos aceitam como certo e liquido determinado comportamento é no minimo desrespeito com o que de mais sagrado nos foi consedido que é o livre arbitrio.
Morar em uma cidade pequena como Campos do Jordão não é só alegria, existem situações que restringem o direito a liberdade de expressao. Aqui a pessoa que deseja opinar a respeito de algun tema prefere se esconder atras do anonimato com medo de retaliações e quem náo se importa com o que os outros podem dizer a seu respeito e se posicionam firmemente acabam por ser rotulados pejorativamente de polemico.
Uma pena que uma qualidade tão importante para a formação do carater de uma pessoa pode ser distorcido a ponto de virar um defeito.

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Unidos por Campos vence eleição na ACE.

A Chapa Unidos Por Campos venceu as eleições da ACE.
A eleição da ACE ocorrida no ultimo dia 8 deu vitoria a Chapa encabeçada por Wagner Cardoso da Sulva que vai comandar a entidade pelos próximos dois anos.
Agora cabe aos novos diretores implementar uma política que realmente venha a beneficiar o comercio e o primeiro passo espero que seja manter um representante constantemente em contato com a Câmara de vereadores a fim de evitar que novos Projetos de Lei venham a dificultar o crescimento do comercio e conseqüentemente a oferta de emprego.
Será que agora vai!
Conheça todos os integrantes da nova diretoria.

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Religião X Política.

Depois da polêmica do aborto levantada na última eleição presidencial agora é a vez do assunto religião x política em Campos do Jordão, apesar do centro da discussão ser completamente outro.

Agora a bola da vez na campanha de Campos do Jordão é o comércio no entorno da Igreja do Capivari em Campos do Jordão.

O que chama a atenção do Blog não é nem o comércio instalado ao lado da Igreja, nem a reclamação dos fiéis católicos (praticantes, aqueles que se dedicam de corpo e principalmente de alma a igreja). O que chama a atenção do Blog é o porquê deste súbito surto de religiosidade que alguns periodistas, políticos, comerciantes, ateus, fiéis católicos e de outras denominações se acometeram de uma hora para outra.

A campanha para “limpar” os arredores da Igreja de São Benedito em Capivari estranhamente foi deflagrada logo após um cidadão ser autuado pela posse de panfletos ditos apócrifos, e ter se declarado pré-candidato a prefeitura da cidade.

O caso dos panfletos ganhou dimensões nacionais o que elevou o nome do cidadão até então desconhecido ao conhecimento de todos os moradores da cidade; e sendo o cidadão sabidamente ligado a alta cúpula da igreja da cidade e da região e também se sabendo da grande força e influência que a igreja principalmente a católica tem dentro da comunidade jordanense, o fato claramente azedou a feijoada de um grande numero de possíveis outros pré-candidatos que sem titubearem começaram o ataque aquele que sem duvidas poderá ser o maior cabo eleitoral de referido cidadão.

O que acaba por pegar muito mal não é o comércio dentro e ao redor de igrejas e templos, fato que ocorre desde a invenção da religião. O que pega muito mal é o camarada por motivos puramente políticos meter o pau na igrejinha da esquina e no final de semana ir ajoelhar no pé da Padroeira do Brasil para pedir ajuda para as mais absurdas coisas e de lambuja dar uma passadinha no Shopping de Aparecida para comprar toda sorte de bugigangas.

Pauta 22ª Sessão.

06 DE DEZEMBRO DE 2.010.

a) em única discussão e votação:

1) PROJETO DE LEI Nº 123/10, de autoria da Vereadora Maria Joaquina dos Santos, que dispõe sobre Declaração de Utilidade Pública o Instituto Cultural de Integração da América Latina – ICIAL “Dom Oscar Arnulfo Romero e Gáldamez”.

2) PROJETO DE LEI Nº 125/10, de autoria do Executivo Municipal, que dispõe sobre a construção, reconstrução e conservação de calçadas, tapumes, readequação das calçadas, suas penas, e dá outras providências.

3) PROJETO DE LEI Nº 131/10, de autoria do Executivo Municipal, que dispõe sobre autorização para desafetação de bem público e de sua doação a Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo – CDHU.

4) VETO protocolado nesta Edilidade sob o nº 2787/10, aposto pelo Executivo Municipal ao Projeto de Lei nº 103/10 (contido no Autógrafo nº 80/09), de autoria do Vereador José Matos da Costa, que dispõe sobre a obrigatoriedade de policiamento fixo, de Guarda Civil Municipal, em todas as escolas municipais, bem como em outros equipamentos públicos municipais, e dá outras providências.

b) em segunda discussão e votação:

1) PROJETO DE LEI Nº 107/10, de autoria do Executivo Municipal, que Estima a Receita e Fixa a Despesa do Município de Campos do Jordão para o exercício de 2.011.

b) em primeira discussão e votação:

1) PROJETO DE LEI Nº 111/10, de autoria do Vereador Sebastião Aparecido César Filho, que insere o evento Evangélico ABALA CAMPOS DO JORDÃO, no Calendário Oficial de Eventos do Município de Campos do Jordão. (EMENDA nº 2675/10 – Vereador Sebastião Aparecido César Filho)

2) PROJETO DE LEI nº 117/10, de autoria do Vereador Paulo Carlos da Costa, que dispõe sobre a proibição do uso de capacete nos estabelecimentos comerciais, públicos e bancários no Município de Campos do Jordão e dá outras providências.

3) PROJETO DE LEI Nº 120/10, de autoria do Vereador Paulo Francisco dos Santos, que dispõe sobre proibição da comercialização e do consumo de bebidas alcoólicas em logradouros públicos e dá outras providências.

4) PROJETO DE LEI Nº 122/10, de autoria da Vereadora Maria Joaquina dos Santos, que institui o “Dia do Conselheiro Tutelar” e dá outras providências.

5) PROJETO DE LEI Nº 126/2010, de autoria do Vereador Paulo Carlos da Costa, que dispõe sobre restrição do uso de telefone móvel no interior das agências bancárias e instituições similares no Município de Campos do Jordão e dá outras providências.

c) em única discussão e votação secreta:

1) PROJETO DE LEI Nº 121/10, de autoria da Vereadora Maria Joaquina dos Santos, que dispõe sobre denominação de próprio municipal.

2) PROJETO DE DECRETO LEGISLATIVO nº 29/10, de autoria do Vereador José Matos da Costa, que outorga o Título de Cidadão Jordanense.

Câmara Municipal de Campos do Jordão, 03 de dezembro de 2.010.

Nota do Blog: Dentre os 12 Projetos em votação 6 merecem uma atenção especial:

1 Projeto 125/10 – Este Projeto apesar de ser apenas uma adequação a uma Lei já existente (Lei de Posturas) e muito pertinente tendo em vista que a construção e a conservação das calçadas, tapumes e que tais já é de responsabilidade do proprietário do imóvel resta somente obrigar os mesmos a adequar estas calçadas e tapumes a Lei, mesmo sabendo que isso ira gerar um custo a mais para os jordanenses. Somente espero que as calçadas e tapumes de responsabilidade dos órgãos públicos seja municipal, estadual ou federal também, sejam fiscalizados e obrigados a respeitar a Lei.

2 Projeto 131/10 – Demorou! O prédio que esta sendo construindo nesta área já esta coberto e a Prefeitura somente agora repassou a área ao CDHU como pede a Lei?

3 Veto ao Projeto 103/10 – O Veto é no mínimo bizarro. Para que serve a Guarda Municipal se não for para proteger o patrimônio da cidade e oferecer segurança aos munícipes? Se o Veto for mantido não resta outra coisa a fazer se não a dissolução imediata da Guarda Municipal.

4 Projeto 117/10 – Apesar de mais um copy-cola este Projeto mais do que segurança diz respeito a educação. Retirar o capacete, o boné, o gorro, a touca, o chapéu ou qualquer outra cobertura ao adentrar em qualquer lugar é coisa que se deve aprender em casa e não por força de Lei.

5 Projeto 120/10 – Continuo com a mesma opinião do dia 16 próximo passado. Lamentável.

6 Projeto 126/10 – Continuo com a mesma opinião do dia 23 próximo passado. Não adianta parece que quanto mais à gente reza mais a coisa piora.

Quanto aos demais Projetos com exceção do 107/10 que deve ser analisado em separado e com muita atenção o resto é mesma coisa de sempre Projetos sem nenhum interesse social, apenas agrados aos eleitores em potencial.

Parabéns Bicampeão Brasileiro.

Parabéns aos Tricolores Pedro Bial, Evandro Mesquita, Thiago Fragoso, Nelson Motta, Jô Soares, Fernanda Torres, Cacá Bueno, Tim Maia e a toda Nação Fluminense pelo Bicampeonato Brasileiro.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Eleição ACE.

ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA

E D I T A L D E C O N V O C A Ç Ã O
E L E I Ç Ã O - BIÊNIO 2011 / 2012

CONVOCAMOS todos os associados a comparecerem na sede da ACE de Campos do Jordão, sito à Rua Maurílio Comóglio, nº 115, Parque dos Cedros, em Vila Abernéssia, no próximo dia 08 de Dezembro, quarta feira, no período das 9h00 às 18h00 para a eleição da Diretoria Executiva e Conselho Consultivo para o biênio 2011/2012.
A apuração se dará após o término da votação em conformidade com as normas estatutárias da entidade.

Campos do Jordão, 23 de Novembro de 2010.
Paulo Afonso de Moura Santos De Marco
PRESIDENTE

Novas propostas.

Mais um ano se foi e como sempre as promessas de um novo recomeço começam a pipocar por todos os lados.
Ano novo é época de parar de fumar, emagrecer, ganhar mais dinheiro, recuperar o tempo perdido com os filhos, esposa, e com sigo mesmo, enfim ano novo vida nova.
E dentro deste espírito de renovação a política também se torna alvo de novas promessas, com o gatilho da disputa eleitoral em Campos já acionado, agora não cabe mais discutir se é cedo ou não a realidade é que a campanha já começou e muitos grupos já começam a se formar e apesar das juras de um novo rumo às conversas sempre acabam caindo na mesmice de anos velhos.
Grupos e pessoas que almejam os louros da vitoria de uma eleição se preocupam com apoios, investidores, distribuição de cargos e alianças políticas e se esquecem do mais importante; do eleitor.
E o eleitor como em todos os anos não se importa com uma renovação nem em fim de ano.
Não conseguiremos modificar o quadro político e eleitoral da cidade enquanto contarmos com os mesmos eleitores. Sim é isso mesmo! Não conseguiremos reverter a forma como o establishment funciona se mantivermos os mesmos eleitores.
Loucura? Como modificar 38 mil eleitores?
A resposta é simples; Não conseguiremos. Isso é trabalho para décadas, daí a importância de projetos como a Casa da Cidadania e da organização das Associações de Bairro.
Estas ações não serão as salvadoras da sociedade, mas um primeiro passo para que a população comece a conhecer seus direitos, sua força e sua importância.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Grandeza não se compra, se conquista

Amigos do blog, a IFFHS (sigla em inglês para Federação de História e Estatística do Futebol) divulgou nesta terça-feira mais um de seus rankings.
Desta vez, a entidade que fica na Alemanha fez a relação dos melhores times do século 21 ao final de sua primeira década.
O Barcelona lidera a relação, enquanto o São Paulo aparece como o melhor brasileiro colocado.
Em análise que leva em conta o desempenho das equipes nas competições nacionais e internacionais na década, o Barcelona somou 2459 pontos e ficou à frente de Manchester, Liverpool, Arsenal e Inter de Milão, que completam o Top 5, nesta ordem.
Milan, Bayern, Real Madrid, Chelsea e Boca Juniors completam a relação dos dez primeiros colocados.
O São Paulo é o melhor time brasileiro na lista, ocupando a 12ª colocação (1909 pontos). Em seguida, o Cruzeiro desponta na 23ª posição, três lugares à frente do Santos.
Antes de tentar o bicampeonato do Mundial de Clubes em Abu Dhabi em dezembro, o Internacional, em 38º, é a última equipe do país a integrar o Top 50.
A seguir, outras equipes do Brasil que aparecem citadas entre as melhores do mundo na primeira década do século vigente: Grêmio (54º lugar), Flamengo (56º), time da marginal sem número (59º, que piada) , Fluminense (64º) e gnomos verdes (88º, cada dia menor).
Enfim, pelo amor de Deus rivais menores: não tentem mais se compararem com o Tricolor, pois estamos em patamares completamente diferentes.


segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Ninguem que conhece aguenta.



Agora é tarde, mas vá lá eu desculpo. Afinal errar é humano, e se desculpar é divino.

Lei do silêncio.

Nem tudo o que acontece na Câmara é motivo de criticas, também acontecem coisas boas ou coisas que acontecem para consertar o mal feito a tempos passados. É o caso do Projeto de Lei 128/10 que propõe a revogação da Lei Municipal 3251/2009 que de maneira despropositada impedia a mudança de nomes de logradouros públicos com nomes de estados e países, esta Lei foi no tempo elaborada para que o nome da avenida onde o edil autor da Lei reside não fosse mais alterada, ou seja, Lei elaborada e aprovada para beneficio próprio.

Mas político é como juiz de futebol, é só você elogiar que o cara pisa na bola. Juntamente com o projeto 128/10 também o nobre edil protocolou o Projeto 129/10 que nada mais, nada menos propõe a proibição da emissão, reprodução, radiodifusão, emanação de qualquer tipo de sons, ruídos, principalmente através de meios eletrônicos, em ambientes sem tratamento acústico, dentro de um raio de 1.000 (mil) metros do Pronto Socorro Municipal e do Fórum.

Para quem não conhece a cidade a Lei é pertinente e diria até que demorou para que tal Lei fosse proposta, mas para quem conhece a cidade sabe muito bem que a Lei é simplesmente ridícula e impossível de ser cumprida.

Os três únicos locais onde podem ser usados para a montagem de qualquer tipo de evento na cidade (Gazebo, Praça ao lado do Mercado e o Polo) são localizados próximos ao Fórum e do Pronto Socorro, sendo que a principal praça de eventos o Gazebo está localizado exatamente ao lado do Fórum.

Sem contar com estes fatos ainda a Lei não leva em consideração que a Igreja Matriz, a Câmara Municipal, a área de ensaios da SEA DRUM CORPS e da BAMFLIMA e o local onde o palanque dos desfiles cívicos e populares da cidade são montados estão localizados dentro deste perímetro de 1000 metros.

Alem destes fatos também não se levou em consideração que se a Lei for aprovada, as festas populares da cidade serão severamente afetadas tendo em vista que a maioria são realizadas no espaço do Gazebo.

Daí sempre tem aqueles que dizem que o Projeto nunca entrará em votação e se entrar logicamente não será aprovado, mas o que questiono não é a aprovação ou não e sim que ele foi proposto.

Será que os vereadores da cidade realmente tem alguma noção do que é ser um representante do povo junto a Câmara?

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Acidente AIR FRANCE.

França fará nova busca por avião da Air France
25/11/2010 - 18h14
Redação
A França vai lançar uma nova busca pelo avião da Air France que caiu no ano passado no Oceano Atlântico. O anúncio foi feito hoje pelo ministério dos transportes do país.
A quarta fase da procura pelos restos da aeronave que ia do Rio para Paris deve começar em fevereiro. As outras três operações foram realizadas de junho de 2009 até maio deste ano. O custo total foi de 20 milhões de euros, mas as caixas pretas não foram encontradas.
As equipes recolheram quatrocentos pedaços do Airbus, material que não soma cinco por cento da aeronave. Entre os cinqüenta corpos encontrados no mar, vinte eram de brasileiros. No voo, havia ainda franceses, alemães, italianos e passageiros de outras nacionalidades.
O avião da Air France caiu a cerca de mil e quinhentos quilômetros de Recife.



quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Violência no Rio.

A violência não é exclusividade do Rio de Janeiro, em todo o Brasil a bandidagem esta aos poucos ocupando o espaço do estado.
Com tanta coisa por ainda ser feita no país vamos entrar em duas aventuras perigosas, vamos gastar bilhões nas Olimpíadas e na Copa do Mundo e grande parte deste dinheiro vai ser desviado pelos corruptos e outra será consumida na construção e dezenas de elefantes brancos.
O mundo esta seguindo esta verdadeira guerra civil que o Rio de Janeiro esta vivendo nestes últimos dias, será que em sã consciência um estrangeiro ira se expor a este perigo?


Lama no ventilador.

A Prefeita e o Secretário de Turismo de Campos do Jordão abrem processo contra o Jornal Tribuna.

Após inúmeras denuncias e matérias ácidas contra a atual administração a Prefeita e seu marido o atual Secretario de Turismo resolvem acionar a justiça pedindo cada um uma indenização de R$ 20.000,00.

As audiências que devem ser já na próxima semana prometem ser bastante quentes tendo em vista que a representante do Jornal é nada mais nada menos do que a ex-secretaria da Prefeita, que sem muitas explicações foi transferida para a pasta do desenvolvimento em junho de 2009 e exonerada pouco mais de um mês depois.

Foi jogado lama no ventilador, agora é esperar para ver em quem vai respingar. Quem viver, verá!


 

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

ETE - Campos do Jordão.

Realizou-se ontem 23/11/2010 com 15 anos de atraso a Audiência Pública realizada pela CETESB na Câmara Municipal para analise do projeto e localização da ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) na região do Horto Florestal em Campos do Jordão.
A reunião começou as 17:00 horas e teve a presença de todas as autoridades envolvidas no processo e também muitos políticos.
Depois de muitos discursos e explicações foi aprovado o projeto e ser executado e o local para a construção da bendita estação.

Opinião do Blog: A implantação da Estação de Tratamento de Esgoto em Campos do Jordão (ETE) ao contrario do que muitos pensam nunca foi um problema de investimento ou projeto inadequado, a SABESP a muito tempo disponibiliza a verba e o projeto para a construção da ETE jordanense.

Em uma esclarecedora entrevista a Radio CBN o presidente da AME Campos acaba por admitir uma das verdades que já é sabida por muitos dos moradores da cidade (minuto 9).

O problema de saneamento básico nunca foi uma das prioridades da elite brasileira, ou seja, se o camarada tem uma mansão cheirosa e com gramado verdinho ele não se importa se a cem metros exista um rio completamente detonado ou uma vila popular com esgoto a céu aberto.

Em 1995 quando tudo estava pronto para a construção da ETE na Lagoinha um grupo de proprietários de mansões e grandes propriedades da região se reuniram em torno de uma associação e pressionaram as autoridades para a paralisação do projeto.

A época vários argumentos foram utilizados pelos invernistas endinheirados para vetar a construção da estação inclusive a veiculação de um informativo de um periodista local que dizia que o mau cheiro que seria exalado pela estação chegaria ao centro do Capivari prejudicando o comercio turístico da região.

Mas a luta dos moradores da região da Lagoinha parece que não era exatamente pela qualidade de vida dos ali residentes tão pouco pelo meio ambiente, a verdade é que algum tempo depois do veto dos moradores nas imediações do terreno onde seria construído a ETE foi erguido um pomposo Shopping que funciona somente na alta temporada.

A grande realidade é que as leis e a luta pelo meio ambiente em Campos do Jordão somente começaram a ser respeitadas e seriamente discutidas a partir da presença do Dr. Jamil Luiz Simon que assumiu a Promotoria Ambiental na cidade a vem desenvolvendo um trabalho impecável.

Se por um lado o problema da participação popular continua a ser um grande problema, os horários das reuniões continuam sendo proibitivos; como exemplo dou o meu próprio caso, não consigo sair do meu trabalho antes das seis e vinte da tarde daí pegar uma discussão com mais de hora e meia de iniciada é muito complicado para dar uma contribuição realmente equilibrada e dentro do que esta sendo discutido. Por outro lado a participação do cidadão comum acaba sendo irrelevante pelo fato que para dar uma contribuição real é necessário ter noções técnicas de meio ambiente e de engenharia o que para um cidadão comum é inimaginável.

Por fim não quero saber o quanto custará ou onde será construída a estação, eu quero a minha cidade limpa e os rios como na minha infância, e se isso custar à saída de meia dúzia de magnatas da cidade ta valendo.

Segue abaixo a entrevista do Presidente da AME Campos a Radio CBN.

CBN - A rádio que toca notícia - CBN Total


 

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Olha o Paulo Indio ai outra vez gente!

Galera eis mais um dos Projetos de Lei de “autoria” do vereador Paulo Índio, mais um ctrl+c ctrl+v sem noção.
Esta lei vem sendo adotada em larga escala pelas cidades que não tem como garantir aos cidadãos o livre acesso a uma agencia bancaria sem correr o risco de ser vitima da famigerada “saidinha de banco”.
Assim toda vez que o Estado se declarar incompetente para fazer o seu trabalho que é garantir a segurança publica quem deve ser cerceado de seu direito e impedido de usufruir de um bem licitamente adquirido e que para muitos é sua ferramenta de trabalho é o cidadão de bem.
Para muitos especialistas como os advogados Egon Bockmann Moreira e Eroulths Cortiano Júnior o município não tem competência para legislar sobre este assunto que dentre outros fere o direito de propriedade do cidadão.
A verdade é que em Campos do Jordão os vereadores não estão nem ai para a Constituição Federal e esta não é a primeira Lei que fere os direitos garantidos por ela aos cidadão, a pouco tempo atrás outra Lei (3.256/09) aprovada na Câmara afronta o principio da isonomia (art. 5º, caput, da CF ) quando dá privilégios para quem doa sangue e onde fica a liberdade de escolha do camarada que paga seus impostos regiamente nesta cidade? Eu posso ter o dever cívico de ser um doador, mas também tenho o direito de decidir se quero ou não ser um doador!
Alem deste desconforto com estas intermináveis colas de Leis que sempre acabam por dar dor de cabeça a população estou começando a questionar se um vereador realmente necessita de salário para ficar em frente a um computador fazendo colinha.
Alguém tem de dizer ao douto edil Paulo Índio que ser vereador é bem mais do que aprender a função ctrl+c ctrl+v de um computador.
Fala sério!

PROJETO DE LEI No 126/10, DE 22 DE NOVEMBRO DE 2.010.

Dispõe sobre restrição do uso de telefone móvel no interior das agências bancárias e instituições similares no Município de Campos do Jordão e dá outras providências.

(de autoria do Vereador Paulo Carlos da Costa)

Artigo 1º - Fica restrita a utilização de telefone móvel no interior das agências bancárias e de instituições similares, especificamente nos espaços de movimentação financeira, durante o atendimento a clientes.

Parágrafo único – A utilização de que trata o caput deste artigo diz respeito a originar e/ou receber ligações, bem como enviar e/ou receber mensagens de voz e de texto.

Artigo 2º - O aparelho em uso nos espaços restritos deverá ser recolhido por representante da instituição financeira, cabendo a devolução ao seu proprietário quando este sair da área de restrição.

Artigo 3º - As organizações financeiras e similares como mencionam o artigo 1º, deverão afixar cópias desta Lei nos espaços de circulação dos clientes para conhecimento dos interessados, bem como placas informativas, em pontos visíveis, quanto à área de restrição do uso de telefone móvel.

Artigo 4º - As Agências bancárias e organizações similares deverão realizar campanhas educativas aos clientes, por um período de 06 (seis) meses, sobre o cumprimento desta Lei, ressaltando o direito à vida e à proteção do patrimônio.

Artigo 5º - Esta Lei entra em vigor no ato de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Câmara Municipal de Campos do Jordão, aos 19 de novembro de 2.010.

PAULO CARLOS DA COSTA
Vereador - PR